Memória da Imprensa
   A imprensa que fez história, presente no Arquivo Público do Estado de São Paulo
Início | Colaborações
 
     

  • Css Template Preview
  • Css Template Preview
  • Css Template Preview
  • Css Template Preview
  • Css Template Preview
Reportagem
Textos de David Nasser, Augusto Rodrigues e Acciolly Neto, além da cobertura da 2ª Guerra Mundial.

DEIP
Exemplares do boletim São Paulo de ontem, hoje e amanhã, veículo do Departamento Estadual de Imprensa e Propaganda.

Imprensa Negra
Jornais que tentaram resgatar o movimento social após o fim do Estado Novo.

Variedades
Páginas ilustradas sobre cinema, estrelas do rádio, contos e charges.

 

Imprensa na década de 1940

Nesta edição, Memória da Imprensa apresenta uma seleção de notícias da década de 1940, publicadas em jornais e revistas disponíveis no acervo digitalizado do Arquivo Público do Estado de São Paulo. O conteúdo selecionado está dividido nas seções Reportagens, DEIP, Imprensa Negra e Variedades.

Na década de 1940, as grandes reportagens de caráter investigativo e ampla cobertura fotográfica passam a fazer sucesso em revistas nacionais. Na seção Reportagens é possível conhecer alguns textos da revista A Cigarra, escritos por repórteres como Augusto Rodrigues, Accioly Neto e David Nasser – este último em parceria com o fotógrafo Jean Manzon. Também estão acessíveis algumas matérias sobre a 2ª Guerra Mundial, que seguia aterrorizando o mundo até 1945.

No Brasil, o Estado Novo (1937-1945) passou a controlar os meios de comunicação, como jornais, revistas e o rádio. Também criava seus próprios veículos para publicar o conteúdo que considerava mais adequado aos interesses do governo Vargas. Veja na página DEIP algumas edições do boletim São Paulo de ontem, de hoje e de amanhã, distribuído gratuitamente e publicado pelo Departamento Estadual de Imprensa e Propaganda (DEIP), que coordenava a propaganda nos estados.

Prejudicados com a censura, com a extinção de partidos políticos e com o enfraquecimento de movimentos sociais, os jornais da imprensa negra não circularam durante todo o período do Estado Novo, voltando a organizar-se a partir de 1945, com a publicação de Alvorada, da Associação dos Negros Brasileiros (ANB) e outros impressos que tentaram reorganizar a luta por melhores condições econômicas e sociais. Conheça alguns jornais desse período no link Imprensa Negra.

Astros internacionais do cinema, como Cary Grant, Marlene Dietrich e Errol Flynn, ditam a moda e estampam várias páginas das revistas ilustradas. Os artistas nacionais – cantores, humoristas e locutores – que faziam sucesso no rádio, também tinham seu espaço nessas publicações. Veja essas e outras notícias na página de Variedades.

Confira também no link Colaborações a última parte do texto do Prof. Dr. Dirceu Fernandes Lopes, da Universidade de São Paulo, sobre a História da Imprensa no Brasil.

Boa leitura!

Créditos

 

Iofoscal
Iofoscal – Revista A Cigarra, 1947.

Vinho reconstituinte Silva Araújo – defenda a sua saúde para melhor defender a pátria.
VSoutien Life – Revista A Cigarra, 1948.


         
   Casa Civil
   Secretário: Edson Aparecido
Instituição apresentação
histórico
arquivo em números
projetos
links
Serviços
atendimento
emissão de certidões
reprodução de documentos
pedidos jurdicos deops
assistência aos municípios
assistência aos orgãos
spdoc
Acervo
guia
catálogos
acervo digitalizado

Sala de Imprensa
notícias
releases
banco de imagens
arquivo na mídia
solicitação de filmagem
cadastre-se
contato
redes sociais
Estrutura
organograma
dpda
dgsaesp
Centros
acervo permanente
acervo iconográfico e cartográfico
arquivo administrativo
assistência aos municípios
difusão e apoio à pesquisa
gestão documental
preservação
Ação Educativa
visita guiada
eventos
o professor e o arquivo
galeria
exposição virtual
parceiros
contato

Localização
Rua Voluntrios da Ptria, 596
(ao lado da estação do metrô
Tietê)


Contato Memria da Imprensa :
editoria@arquivoestado.sp.gov.br