Versão
Avaliação de risco de incêndio de coleções em museus
Jean Tétreault

Resumo:

A perda de coleções em museus relacionada a incêndios pode ser muito considerável. É importante que os museus sejam bem preparados com a ajuda de medidas preventivas adequadas. É importante que os museus implementem medidas de controle para prevenir um incêndio ou detectá-lo, e responder rapidamente se um incêndio ocorrer. Para avaliar as perdas potenciais de coleções devido ao fogo durante um determinado período de tempo, são necessárias informações substanciais e há poucos dados quantitativos sobre incêndios em museus. Decidiu-se então obter esses dados coletando registros de incêndios em museus registrados pelo Corpo de Bombeiros Canadense, bem como de outros países e consultando especialistas. Este projeto resultou no estabelecimento de Níveis de Controle de Incêndio para museus e na criação de um conjunto de materiais de referência para ajudar os avaliadores de risco a estimar as perdas potenciais de coleções devido a um incêndio. De acordo com os especialistas consultados neste estudo, a existência de uma comissão ativa de segurança contra incêndios composta por funcionários e gestão é um dos elementos-chave na prevenção de incêndios. Tal comissão ajuda a conscientizar e identificar problemas, bem como propor soluções e garantir que sejam aplicadas para minimizar o risco de incêndio em uma instituição. Para uma proteção ideal, os museus são incentivados a ter um sistema de alarme de incêndio monitorado continuamente, bem como um sistema automático de supressão de incêndios.

Palavras-chave: Sinistros em museus - Gerenciamento de riscos - Incêndios em patrimônio cultural - comissão ativa de segurança contra incêndios