Artigo
Arquivos das escolas públicas: formas de divulgação para a preservação da história educacional paulista
Iomar Zaia

Resumo:

A finalidade do texto é apresentar os projetos que permitiram a construção de atividades que resultaram na divulgação dos arquivos das escolas públicas paulistas e, consequentemente, no desenvolvimento de empatia na comunidade escolar para sua preservação e guarda como fontes importantes para a construção da história da educação pública em nosso Estado. Todos os projetos aqui apresentados, foram realizados entre os anos de 1997 e 2014 nas mais antigas escolas públicas paulistas, tomando o cuidado de envolver aquelas que originalmente surgiram para atender diferentes modelos escolares e públicos, tais como os primeiros grupos escolares, as primeiras escolas profissionalizantes, as primeiras escolas para normalistas, entre outras. Por fim, este texto pretende apresentar, as estratégias de divulgação utilizadas para envolver as comunidades escolares nas práticas de inventário, tratamento e organização das fontes documentais escolares, como único meio de salvaguardar a memória institucional e coletiva da educação pública paulista. A metodologia utilizada foi a descrição de projetos realizados em escolas públicas paulistas balizadas pela referência bibliográfica utilizada ao longo das propostas. Os resultados obtidos foram aqui também descrito. Cabe ressaltar que um dos grandes resultados que alcançamos ao longo de cada projeto foi o envolvimento e interesse de Universidade e escolas no desenvolvimento de novas propostas ao longo de mais de uma década.

Palavras-chave: arquivos escolares, escolas públicas paulistas, preservação do patrimônio educacional, divulgação como recurso de preservação dos arquivos.